redacao@gritoregional.com.br     (67) 9 8175-8904

Tudo sobre a região do Anhanduizinho

Tudo sobre a região do Anhanduizinho

Campo Grande, sexta-feira, 24 de setembro de 2021.

jardim los angeles

Evento será neste sábado, a partir das 17h e nele, a chance de conhecer as artesãs da própria comunidade

Por Gilson Giordano em 22/09/2021 às 16:05

Ao som da música ao vivo, artistas locais farão exposição dos trabalhos desenvolvidos pelas hábeis mãos (Ilustração)

Como forma de resgatar o poder aquisitivo de muitas famílias, que devido à crise financeira mundial causada pelo coronavírus Covid-19, a líder Comunitária Maria Diva da Silva, resolveu resgatar o antigo projeto criado ainda em 2.014 e através dele, proporcionar condições para as mulheres terem um ganho a mais e com isso, ajudar no orçamento familiar.

Para tanto, neste sábado (25), será realizado no período das 17h às 20h, a Feira de Artesanato, através do Projeto “Mãos que Criam”, coma comercialização de inúmeros produtos que serão expostos em bancas, em frente à sede da Associação de Moradores do Jardim Los Angeles, na Rua Afonso Celso, no bairro do mesmo nome, localizado na região do Anhanduizinho.

Além do variado estoque criado e fabricado pelas haveis mãos das mulheres da própria comunidade, no local será possível degustar de deliciosos quitutes e salgadinhos, ao som de uma boa música, ao vivo para alegrar a noite.

“Há tempos idealizamos o projeto Mãos que Criam, com o devido registro em cartório e através dele, além de resgatarmos o poder econômico das famílias, sendo que muitas têm a mulher como a chefe da casa, vamos ainda, apresentar a todos as ideias dessas mulheres através das suas criações tanto na pintura, bordado, crochê, também na comercialização dos deliciosos salgadinhos, enfim, uma série de atrações que vão ao encontro da dona de casa e de forma geral de todos da família”, disse a líder comunitária e assistente social Maria Diva.

Conforme a líder, os produtos oferecidos durante a feira serão comercializados diretamente pelos criadores, portanto, sem a figura do “atravessador”, fato esse que o preço pode ser muito atrativo e satisfatório para todos, mesmo porque a cidade ainda vive a ressaca financeira causada da pandemia a Covid-19.

“Nós da comunidade achamos que essa feira será de grande valia para todas (mulheres), pois aqui mesmo na comunidade, existem artesãs com mãos hábeis e tudo que elas se propuseram a fazer, fazem da melhor e da forma mais bonita que se possa imaginar. No entanto, também têm pessoas aqui mesmo, na comunidade, que desconhecem essas artistas na arte de criar, produzir e acredito que essa feira será o resgate dessas pessoas com a exibição dos produtos criados por elas e do outro lado, os visitante conhecerão e terão à disposição ótimos produtos, fabricados, pintados, decorados, aqui mesmo no Jardim Los Angeles e neste sábado (25), vamos apresentar a todos, as Mãos que Criam”, disse Diva, demonstrando muito otimismo quanto ao sucesso do evento, devido à qualidade dos produtos e dos preços módicos, claro ao alcance a todos os participantes.

Quanto ao espaço que serão ocupados pelas artesãs, durante a feira com a exposição dos produtos, o mesmo será gratuito e terá ainda, toda a segurança.

A ideia de Maria Diva é a de realizar mensalmente a Feira “Mãos que Criam” e para tanto é preciso à resposta por parte não apenas dos moradores do bairro, mas de forma geral da região que além da qualidade dos produtos, os mesmos terão preços aceitáveis.

“Essa foi à forma que encontramos para ajudar a todos. De um lado, além de expor, vamos ainda revelar as grandes artesãs que na verdade são artistas e do outro lado, os participantes da feira, a quem convidamos uma vez mais”, disse Maria Diva.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





Exibir botões
Esconder botões