redacao@gritoregional.com.br     (67) 9 8175-8904

Tudo sobre a região do Anhanduizinho

Tudo sobre a região do Anhanduizinho

Campo Grande, quinta-feira, 30 de junho de 2022.

aula de cidadania

“Meu compromisso é com o povo e não com partidos”, disse Tiago Vargas durante entrevista

Por Gilson Giordano em 04/05/2022 às 15:16

Muito a vontade e bem familiarizado com o microfone, vereador Tiago Vargas tirou de “letra” as perguntas formuladas (Foto: Arquivo)

O vereador Tiago Vargas foi entrevistado, na manhã desta quarta-feira (4), em uma emissora de rádio e durante o programa, foram debatidos vários assuntos sobre o mandato do parlamentar e o futuro dele na política sul-mato-grossense.

Uma das perguntas formuladas ao entrevistado, foi quanto a ação realizada pelo Vereador, no feriado do dia 21 de abril deste ano, em que ele saiu pelas ruas de Campo Grande para tapar os buracos nas vias da Capital.

O Vereador lembrou que os buracos, que são vistos aos montes, atrapalham o trânsito dos condutores de veículos, algo que acarreta em prejuízos financeiros ou até acidentes graves.

“No feriado do mês passado, eu estava tapando buracos, isso não é obrigação de um Vereador. Porém, chega uma hora em que a gente fala ‘pelo amor de Deus, tá vergonhoso’, e quando me chamam para uma entrevista, pode ter certeza, eu não corro das perguntas e respondo o que me é perguntado”, afirmou.

“Não tem como andar pelas ruas de Campo Grande e achar que está normal, com situações absurdas, buracos extensos, e eu fui lá, tapar os buracos, fiquei com a mão cheia de calo”, acrescentou.

O vereador disse que muitas pessoas não concordaram com sua atitude, de tapar os buracos nas vias, por não acharem que esse é o papel de um parlamentar, mas ele lembra também que sua atitude foi feita como cidadão que quer ajudar.

Tiago destacou o trabalho da prefeita Adriane Lopes (Patriota), que assumiu a cadeira no lugar de Marquinhos Trad (PSD), há um mês. Ela lançou o programa “Todos em Ação”, levando as Secretarias da Prefeitura aos bairros de Campo Grande, a começar pelo Jardim Itamaracá.

“Parabenizei a Prefeita por este trabalho; é o que estávamos sentindo falta, a verdade é essa. Há quanto tempo nós não víamos meio-fio sendo pintado nos bairros, canteiros sendo limpos?”, questionou o Vereador.

“Estou com uma expectativa muito grande em relação à administração da Adriane Lopes. Não conheço ela pessoalmente, ainda estou conhecendo ela politicamente, mas a minha expectativa com a nova Prefeita é muito boa, pois ela está com muita vontade de trabalhar; faço várias solicitações de melhorias em Campo Grande e estou sendo atendido. Ela está de parabéns!”, elogiou o vereador.

De acordo com um dos entrevistadores no programa, o ex-prefeito Marquinhos Trad deu uma atenção muito grande à área central da Capital, deixando os bairros em uma situação precária. Para Tiago Vargas, esse era um questionamento de toda a população, pois todos criticavam o zelo da prefeitura somente pela área central.

“O Poder Executivo municipal tem que chegar aos bairros; eu tive que fazer limpeza em praças, mal eu terminava a limpeza, os pais chegavam com os seus filhos para aproveitar o local”, destacou o parlamentar municipal.

“Não dá mais para aceitar somente obras no centro de Campo Grande e os bairros ficarem esquecidos”, completou.

Crítica do partido

O apresentador do programa radiofônico questionou o Vereador em relação ao seu partido, pois Tiago Vargas pertence à mesma sigla do ex-prefeito Marquinhos Trad e foi criticado pelo parlamentar. Vargas foi contundente em sua resposta, dizendo que foi eleito pelo povo.

“Eu não fui eleito pelo Presidente do partido, fui eleito pela população campo-grandense. O meu compromisso é com o povo e o que for favorável a Campo Grande estarei sempre votando sim, jamais colocando situações partidárias acima da população”, respondeu o parlamentar.

Saúde

Vargas criticou a situação da Saúde de Campo Grande. Ele falou sobre suas fiscalizações e chamou a atenção do titular da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), José Mauro.

“Eu fiscalizo, nas madrugadas, as unidades de saúde de Campo Grande e está uma vergonha. Essa é a verdade, e até agora eu não sei, por que o secretário [José Mauro] ainda está à frente da Sesau?”, questionou.

Para o Vereador, a Prefeitura deve contratar mais médicos para atender à população com mais eficiência, além da compra de mais medicamentos. “Os nossos profissionais da saúde precisam de condições melhores para trabalhar, eles não têm a mínima condição de trabalho. Não temos dipirona nos postos de saúde. Até quando vamos ficar calados? Eu não vou parar de cobrar, meu compromisso não é com partido A, B ou C, mas com a população”, disse.

Los Angeles

Na oportunidade, Tiago falou sobre o bairro Los Angeles, na região do Anhanduizinho, na parte sul de Campo Grande, pois muitos têm cobrado o Vereador por melhorias no bairro. “As pessoas estão cobrando asfalto no bairro. Meu mandato de vereador tem 16 meses, sou nascido e criado na região do Los Angeles. Se dependesse de mim, toda essa área já estaria asfaltada”, afirmou.

“Para se asfaltar bairros, dependemos de verbas federais, igual a verba que eu consegui para a construção de uma praça no Los Angeles. Eu fui atrás do recurso federal e consegui que ele viesse para a nossa região”, disse.

“Pode ter certeza, que o que estiver ao meu alcance, dentro das minhas possibilidades, como vereador, eu farei. Se tivesse o ‘poder da caneta’, eu já teria mudado muita coisa, assim como a troca de Secretário e a retirada do Consórcio Guaicurus, mas, infelizmente, eu não posso, porque o meu papel é fiscalizar esse trabalho, que é do Executivo”, explicou.

Nesta segunda-feira (2), o parlamentar se reuniu com o deputado federal Loester Trutis (PL) e ele liberou, com a ordem da prefeita Adriane Lopes, R$ 290 mil para a construção da praça no Los Angeles.

A verba liberada através de emenda federal será destinada á construção de uma Praça do bairro Los Angeles (Foto: Arquivo)

Obra parada

Durante a programação, um ouvinte  perguntou ao Vereador sobre as obras do corredor de ônibus na Gunter Hans, que estão paradas há meses. “Um absurdo, porque essa obra piorou o trânsito na região. É uma obra milionária, que está parada. Se acabou o dinheiro, o Secretário de Infraestrutura tem que ir atrás de mais recursos, para terminar o que começou”, opinou.

“Sou totalmente contra inaugurar obras sem concluí-las. Quando as eleições estão próximas essa prática aumenta. Como é o caso dos Ceinf´s, que precisam ser concluídos. Muitas crianças estão sem vagas e, enquanto isso, obras são inauguradas sem serem concluídas”, protestou Tiago.

Jovem e o título de eleitor

Para Tiago Vargas, é muito importante que os jovens façam o seu título eleitoral, pois são eles que representarão a política do nosso país. “Você, jovem, que ainda não tirou o seu título eleitoral, faça isso! Participe do processo eleitoral democrático. Precisamos que os jovens sejam cada vez mais instruídos e participativos da vida política, não só local, mas nacional”, disse.

Futuro na Política

Indagado sobre seus planos na política, foi perguntado ao vereador Tiago Vargas sobre a tendência e o seu posicionamento durante as eleições deste ano, em que escolheremos Presidente da República, Governador(a), Senador(a), Deputado(a) Federal e Estadual.

“Muitas pessoas me perguntam sobre o meu futuro nas eleições de 2022. Eu faço um trabalho diário de fiscalização, cobrando o Executivo, apesar de receber muitas reclamações do interior do Estado”, afirmou.

“Eu falo às pessoas que não posso cobrar os Prefeitos do interior, pois sou Vereador por Campo Grande. De modo que está tendo muito esse apelo por parte dos munícipes de todo o Mato Grosso do Sul, para que eu me lance candidato a deputado estadual. Estou orando muito a Deus, justamente por isso, por ter um mandato independente”, acrescentou.

Conforme o Vereador, que na parte final do programa deu uma verdadeira aula de cidadania, ele disse que, os candidatos precisam de uma sigla para se candidatar. Por isso, ele tentou ingressar no Partido Liberal (PL), mas foi impedido pelo Partido Social Democrático (PSD). “Eu sou apoiador do presidente Jair Bolsonaro, ele é a favor da família, da vida e da propriedade”, ressaltou.

“Sou ex-policial civil e como ex-policial eu não tenho como apoiar bandido. Não existe a tal terceira via, existe um ajuntamento de pessoas, que em sua maioria têm problemas com a Justiça, que respondem a processos por corrupção e querem o retorno da roubalheira e da impunidade. Não queremos retrocesso”, finalizou.

0 Comentários

Os comentários estão fechados.

Exibir botões
Esconder botões