redacao@gritoregional.com.br     (67) 9 8175-8904

Tudo sobre a região do Anhanduizinho

Tudo sobre a região do Anhanduizinho

Campo Grande, quarta-feira, 01 de julho de 2020.

Moradores pedem socorro!

A cada chuva anunciada pelo Inmet, moradores no Los Angeles e Dom Antônio Barbosa, temem pelo pior

Por Gilson Giordano em 29/06/2020 às 10:47

A cada chuva na Capital, ruas localizadas em bairros na região do Anhanduizinho ficam intransitáveis (Foto: Midia Max)

A cada previsão de tempo que o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), faz e nela anunciando a possibilidade de chuva, a mesma soa como sinônimo de transtorno que certamente serão causadas pelas enchentes, transbordamentos de várias ruas localizadas nos mais diversos bairros localizados na região do Anhanduizinho que na verdade ainda não ganharam a devida atenção por parte da atual administração pública.

Esses são os casos dos moradores dos bairros Jardim Los Angeles e no Loteamento Municipal Dom Antônio Barbosa, este localizado no bairro Lageado, ambos na região do Anhanduizinho.

O Jardim Los Angeles, localizado no bairro do mesmo nome, foi criado ainda em 1.968, portanto há 52 anos os moradores mais antigos, em determinadas ruas enfrentam o problema.

O Loteamento Municipal Dom Antônio Barbosa, localizado no bairro Lageado, foi criado em 1.995, portanto há 25 anos e nele, os seus moradores, igualmente ao primeiro, enfrentam o problema causado pelas enchentes e transbordamentos em várias ruas no período chuvoso.

Conforme o relato de várias pessoas, não precisa ser uma chuva torrencial e pra causar os problemas, preocupação e dor de cabeça, basta apenas uma simples garoa, para causar transtornos a todos que moram nos bairros acima mencionados.

Com um agravante, na época de calor, a poeira predomina, mas sem ter pra onde ir, os moradores vão a cada estação, vencendo esses desafios, sem que a administração pública tome alguma iniciativa.

Fim de semana

No fim de semana passada, devido à chuva que reinou sábado (27), moradores registraram o transtorno na Rua Brígida de Melo, causado pela chuva.

A rua e toda a sua extensão ficaram totalmente intransitável tanto para os veículos motorizados, carros e motocicletas, bem como para os pedestres e ou ciclistas.

Os ciclistas e motociclistas têm medo de caírem dos seus veículos, os motoristas dos carros, medo de o mesmo ficar atolado e os pedestres, normalmente tem que sair, com a calça “arregaçada”, colocar nos sapatos um saco plástico como invólucro e levar o outro par em mãos para que, ao chegar à terra firme, troque de sapatos e coloque a calça de forma normal.

Dom Antônio Barbosa

Localizado no bairro Lageado e fundado em 1995, os moradores do Loteamento Dom Antônio Barbosa, enfrentam o mesmo tipo de problema e basta anunciar chuva, para que todos mudem de humor.

No fim de semana passado, o transtorno foi registrado na aruá Manoel Macedo Falcão, que há seis meses recebeu obras de aterro na tentativa de solucionou ao menos, amenizar o antigo problema.

Na verdade o tiro acabou “saindo pela culatra”, pois o que era ruim acabou ficando pior. Pois com o aterro, a rua se tornou em época de chuva, claro, em lamaçal e no calor, na terrível poeira.

Os moradores não apenas dos dois locais acima citados, bem como de outros bairros, aguardam uma posição mais eficaz por parte da Prefeitura para, ao menos, amenizar o problema enfrentando ao longo de todos esses anos desde as suas fundações.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





Exibir botões
Esconder botões